Maracujá-de-cobra (Passiflora eichleriana Mast.)

by 4/15/2018 02:34:00 PM 0 comentários


O maracujá é um fruto autenticamente brasileiro e, por isso, o Brasil ostenta uma grande diversidade de espécies. O mais conhecido é o maracujá-azedo comercial (Passiflora edulis), mas existem também muitos tipos de maracujás doces, a exemplo deste maracujá-de-cobra que vou apresentar hoje. 

Já escrevi anteriormente sobre outro maracujá-de-cobra (Passiflora amethystina Link). O nome popular dessas plantas me chamou atenção e fui conversar com um pesquisador, que me explicou o significado. Os maracujás-de-cobra são assim chamados porque seus frutos maduros, são consumidos por diversos roedores, que por sua vez, são o lanchinho preferido das cobras. Então, onde tem esse tipo de maracujá, possivelmente, também tem cobras, algumas peçonhentas, como as cascavéis. 

Descrição botânica: Planta herbácea, semi-perene, trepadeira, com gavinhas de fixação; caule cilíndrico, estriado e flexível. Folhas trilobadas, com 3 a 7,5 cm de comprimento e pecíolo que pode medir entre 1-6 cm de comprimento. Flores solitárias, com 6-7 cm de diâmetro, de coloração branca. Frutos arredondados, levemente alongados em uma extremidade, casca lisa e com uma camada de ar interna que separa a casca da polpa suculenta e doce. Os frutos maduros têm cor amarelada e a polpa possui um retrogosto que lembra o alho. 

Onde ocorre: Planta nativa do Brasil, encontrada no Cerrado e na Mata Atlântica, típica de áreas de mata alterada e matas ciliares, na beira de rios, lagos ou brejos. 

Usos: Os frutos maduros têm polpa doce, ideal para consumo in natura. A espécie não é comercializada, sendo possível encontrar os frutos apenas nas matas ou em pequenas hortas caseiras. A planta é muito ornamental e produz delicadas flores brancas, que atraem polinizadores. 


Aspectos agronômicos: Propagado por sementes, que germinam em baixa quantidade. As sementes são retiradas dos frutos, lavadas e semeadas direto no canteiro, a germinação ocorre entre 15 a 20 dias e o crescimento das plantas é muito rápido. O ideal é cultivar o maracujá próximo de uma cerca ou construir uma pequena espaldeira para permitir um melhor crescimento da planta, maior produtividade e facilidade para colher os frutos. Uma vez estabelecidas, as plantas produzem muitos frutos e, em áreas onde não ocorre geada, a produção pode se estender quase o ano todo.

Cultivo e condução do maracujá-de-cobra sobre o muro da horta
Bibliografia recomendada

LORENZI, H.; LACERDA, M.T.C.; BACHER, L.B. Frutas no Brasil: nativas e exóticas. Instituto Plantarum de Estudos da Flora. 2015. 

Flora do Brasil. Passiflora in Flora do Brasil 2020 em construção. Jardim Botânico do Rio de Janeiro.Disponível em: <Link>

0 comentários:

Postar um comentário

Este blog foi criado com o objetivo de informar e entreter. Apresentar uma espécie vegetal seus usos, potencialidades e curiosidades, com informações mais detalhadas, para que as pessoas conheçam e contemplem a beleza de cada espécie.O conteúdo é destinado a toda comunidade e serão muito bem vindas, todas as colaborações daqueles que estejam dispostos a dividir seu conhecimento com quem tem sede de aprender sempre.