Maracujá-de-cobra (Passiflora eichleriana Mast.)

by 4/15/2018 02:34:00 PM 6 comentários


O maracujá é um fruto autenticamente brasileiro e, por isso, o Brasil ostenta uma grande diversidade de espécies. O mais conhecido é o maracujá-azedo comercial (Passiflora edulis), mas existem também muitos tipos de maracujás doces, a exemplo deste maracujá-de-cobra que vou apresentar hoje. 

Já escrevi anteriormente sobre outro maracujá-de-cobra (Passiflora amethystina Link). O nome popular dessas plantas me chamou atenção e fui conversar com um pesquisador, que me explicou o significado. Os maracujás-de-cobra são assim chamados porque seus frutos maduros, são consumidos por diversos roedores, que por sua vez, são o lanchinho preferido das cobras. Então, onde tem esse tipo de maracujá, possivelmente, também tem cobras, algumas peçonhentas, como as cascavéis. 

Descrição botânica: Planta herbácea, semi-perene, trepadeira, com gavinhas de fixação; caule cilíndrico, estriado e flexível. Folhas trilobadas, com 3 a 7,5 cm de comprimento e pecíolo que pode medir entre 1-6 cm de comprimento. Flores solitárias, com 6-7 cm de diâmetro, de coloração branca. Frutos arredondados, levemente alongados em uma extremidade, casca lisa e com uma camada de ar interna que separa a casca da polpa suculenta e doce. Os frutos maduros têm cor amarelada e a polpa possui um retrogosto que lembra o alho. 

Onde ocorre: Planta nativa do Brasil, encontrada no Cerrado e na Mata Atlântica, típica de áreas de mata alterada e matas ciliares, na beira de rios, lagos ou brejos. 

Usos: Os frutos maduros têm polpa doce, ideal para consumo in natura. A espécie não é comercializada, sendo possível encontrar os frutos apenas nas matas ou em pequenas hortas caseiras. A planta é muito ornamental e produz delicadas flores brancas, que atraem polinizadores. 


Aspectos agronômicos: Propagado por sementes, que germinam em baixa quantidade. As sementes são retiradas dos frutos, lavadas e semeadas direto no canteiro, a germinação ocorre entre 15 a 20 dias e o crescimento das plantas é muito rápido. O ideal é cultivar o maracujá próximo de uma cerca ou construir uma pequena espaldeira para permitir um melhor crescimento da planta, maior produtividade e facilidade para colher os frutos. Uma vez estabelecidas, as plantas produzem muitos frutos e, em áreas onde não ocorre geada, a produção pode se estender quase o ano todo.

Cultivo e condução do maracujá-de-cobra sobre o muro da horta
Bibliografia recomendada

LORENZI, H.; LACERDA, M.T.C.; BACHER, L.B. Frutas no Brasil: nativas e exóticas. Instituto Plantarum de Estudos da Flora. 2015. 

Flora do Brasil. Passiflora in Flora do Brasil 2020 em construção. Jardim Botânico do Rio de Janeiro.Disponível em: <Link>

6 comentários:

  1. Muito legal queria algumas sementes

    ResponderExcluir
  2. Muito legal queria algumas sementes

    ResponderExcluir
  3. É verdade que esta espécie de maracujá recebeu este nome popular, pois os ratos comem este maracujá, é assim as cobras são atraídas para perto do maracujazeiro?

    ResponderExcluir
  4. Bom dia,
    Como faço para conseguir algumas sementes desse maracujá

    ResponderExcluir
  5. Bom dia!!

    Como faço para obter algumas sementes??

    ResponderExcluir
  6. Faça muito mais clientes fazendo um link do seu contato do Whatsapp!!

    https://whats.link

    ResponderExcluir

Este blog foi criado com o objetivo de informar e entreter. Apresentar uma espécie vegetal seus usos, potencialidades e curiosidades, com informações mais detalhadas, para que as pessoas conheçam e contemplem a beleza de cada espécie.O conteúdo é destinado a toda comunidade e serão muito bem vindas, todas as colaborações daqueles que estejam dispostos a dividir seu conhecimento com quem tem sede de aprender sempre.